Mindset

Autoconhecimento é a base de qualquer desenvolvimento

Aproveitando a deixa de Warren Buffet que ao ser questionado sobre o aspecto mais importante de seus investimentos e a sua relação com o tempo livre que ele teria para estudar, respondeu: “Para a maioria das pessoas, a maior parte da sua renda virá da escolha de sua profissão. Portanto, do ponto de vista da criação de riqueza, o tempo livre é melhor aproveitado aperfeiçoando as suas habilidades profissionais, do que estudando investimento”.

Eu lanço esse pensamento: Você se desenvolve à medida que você se conhece.

Você costuma investir no seu desenvolvimento pessoal de forma sistemática e planejada? O quanto você conhece de suas necessidades de desenvolvimento e mais, conhece bem suas forças e sabe como usá-las à seu favor?

Sim! Espere, não sei... Talvez! Vamos dizer que sim, mas talvez não... não sei
O DESENVOLVIMENTO NÃO É SÓ ATRAVÉS DE CURSOS

Quando Warren Buffet fala sobre a importância do nosso aperfeiçoamento, é muito no sentido do desenvolvimento contínuo. Seja através de livros, vídeos, cursos, formações, ou conteúdos que nos fazem desenvolver e nos conectar com outros pontos de vista. Assim conseguimos ser mais críticas com as informações que temos.

E quando eu falo que o desenvolvimento não é só através de cursos, é porque muitas vezes nos escondemos por trás desta busca de conhecimento externo, mas não paramos para nos olhar. 

Para conhecer quais são nossos desafios, e principalmente, o que nos torna diferentes e únicos.

Isso é tão real, que um dos encontros do Dona do Tempo – meu programa de desenvolvimento – é voltado exclusivamente para o mapeamento das forças, qualidades, características das mulheres que fazem parte deste processo. 

E vou te dizer, é uma das sessões mais desafiadoras, exatamente porque a maioria delas nunca parou para pensar sobre isso.

Temos o costume de focar somente nas nossas falhas e não paramos para conhecer nossas qualidades.

PROBLEMAS POR NÃO SE CONHECER
  • O principal problema por não se conhecer, é não enxergar o tamanho do seu potencial. Pense que todo mundo nasce com uma caixa de ferramentas, mas nem todos sabem quais ferramentas estão lá e como usá-las. E é isso o que acontece quando você não se percebe.
  • Você se sente sem foco. Como você não conhece bem o que faz o seu coração pulsar, o que te completa e o que é importante para você, a probabilidade de você não conseguir focar por ter mil projetos é gigante! Uma vez que você se conhece e se conecta com o que faz sentido, os seus esforços são focados e direcionados para o que você quer realizar.
  • Não conhece o seu propósito. E acaba vivendo um dia após o outro, sem grandes expectativas, planos e chutando latinha, vendo que a grama do vizinho está mais verde que a sua e não entende o porquê disso.
  • Perde tempo. Acaba se envolvendo com mil desejos ao mesmo tempo, sem se preocupar se essas ações estão conectadas com quem você é, e o que você deseja realmente para você. Além disso, se torna mais ocupada do que produtiva [link]
  • Perde dinheiro. Acha que sempre precisa de mais um curso, mais uma formação, mais um livro e não consegue colocar em prática aquilo que já foi aprendido. Sente medo, pois não sabe exatamente para onde direcionar seus esforços e suas ações. E deseja um milagre para que sua vida tome a direção que você sonha.
  • Foca só no que te falta. Se esforça imenso para melhorar pontos fracos, ao invés de se destacar mais nos seus pontos fortes e usá-los para transpor quaisquer desafios que possam surgir.

Você perde energia de vida quando não se conhece.

BENEFÍCIOS QUE O AUTOCONHECIMENTO FAZEM POR VOCÊ

Fazer essa jornada para conhecer melhor sua caixinha de ferramentas pode até parecer uma coisa de outro mundo, mas é fundamental para uma vida:

  • Leve
  • Harmoniosa
  • Conectada com o que é importante para você
  • Amorosa – por você e pelo próximo
  • Cheia de propósito
  • Autêntica
  • Com autoconfiança e segurança

Tudo isso é possível, porque à medida que vamos nos conhecemos, vamos nos conectando ao que realmente faz sentido para o nosso coração, passamos a dizer não para o que nos tira do caminho, e vamos nos aproximando do nosso propósito.

Para dar esse passo é preciso ter coragem! Se conhecer pode não ser fácil, mas é recompensador! E muda nossa vida!

Afinal, quer um processo mais difícil como esse?

Benjamin Franklin observou que “há três coisas extremamente duras: o aço, o diamante e conhecer a si mesmo”. Mas é o único caminho para sermos senhores na nossa própria história.

COMO DESENVOLVER O AUTOCONHECIMENTO
  • Comece a observar o que te faz bem.

Neste processo de perceber o que te faz bem eu aconselho você usar um caderno da gratidão. Ao anotar todos os dias coisas pelas quais você é grata, sua consciência aumenta para o que te faz bem.

  • Experimente se responder essas perguntas:
  1. O que você gosta de fazer? 
  2. O que você faz de forma natural? 
  3. Pelo o que as pessoas te reconhecem?
  • Medite!

Aprender a ficar no momento presente através da meditação é um bom exercício. Afinal, a vida acontece no agora, e não no amanhã.

Comece com poucos minutos, vá adaptando seu corpo e sua mente e inclua essa prática no seu dia-a-dia.

  • Perceba como você responde às situações do dia-a-dia. 

O que mais te incomoda e quais são as soluções que você consegue criar para superar os obstáculos.

Prontinho, você já está com um bom caminho andado.

  • Outra forma é desenvolver mais a clareza! Entender o que você quer, seus objetivos e sonhos. 

Vou deixar aqui para você o meu guia para desenvolver clareza em 6 passos. Pode baixar agora, ele é gratuito! 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.